PONTOS DE CULTURA PODEM SE INSCREVER NO ENCONTRO NACIONAL DE CINEMA DOS SERTÕES

16/07/2013 - 08h20min
ampliar PONTOS DE CULTURA PODEM SE INSCREVER NO ENCONTRO NACIONAL DE CINEMA DOS SERTÕES PONTOS DE CULTURA PODEM SE INSCREVER NO ENCONTRO NACIONAL DE CINEMA DOS SERTÕES
Em sua oitava edição, o Encontro Nacional de Cinema e Vídeo dos Sertões vem transformando a cidade de Floriano,  localizada a 240km de Teresina, no local ideal para fazer cinema e de inspiração para grandes produtores e cineastas de todo o Brasil. As inscrições, que seguem até  dia 31 de julho, vem contemplando produtoras oriundas de pontos de culturas de todo o país.



No evento, que acontece de 6 a 10 de novembro, os pontos de culturas podem aprimorar suas técnicas obtendo mais conhecimento – trocando experiências e mostrando o trabalho que é desenvolvido dentro de seus próprios pontos. Na programação do debate acontecem debates, palestras, workshop e oficinas para as áreas de direção, roteiro e atuação voltadas tanto para os participantes quanto para a plateia, sendo que algumas delas são voltadas para os participantes com filmes selecionados.



Sandoval Durado, produtor do ponto de cultura “Vivendo Cultura”, afirma que os pontos de cultura tem uma dificuldade maior na produção cinematográfica, principalmente no sertão nordestino. Falta equipe técnica e recursos financeiros para as produções, mas apesar disso, os  pontos estão produzindo dentro de sua realidade.



“Mas a concorrência com filmes produzidos com um maior aparato técnico e financeira fica desleal. Por isso a importância de festivais com categorias voltadas a filmes realizados por pontos de cultura”, explica Sandoval. “O Encontro é de uma importância enorme para os pontos de todo o Brasil, pois é a chance de seus filmes serem exibidos para um publico selecionado e ainda terem a possibilidade de saírem premiados, incentivando ainda mais futuras produções”, completou o produtor, que este ano inscreveu dois filmes no Encontro Nacional de Cinema e Vídeo dos Sertões: uma ficção e um documentário.

Sandoval é professor das oficinas de cinema realizadas pelo ponto de cultura “Vivendo Cultura”, além de ser diretor dos curtas já realizados pelo ponto. O “Vivendo Cultura” está localizado em uma comunidade com menos de mil habitantes, chamada Município de Lapão-BA. Nos últimos três anos foram produzidos três filmes que foram premiados nas três participações, totalizando nove cactos de ouro. “O Festival é um estimulo permanente”. “Para esse ano estamos finalizando mais um filme para tentar pelo quarto ano consecutivo estar presente no Encontro Nacional de Cinema e Vídeo dos Sertões”, disse Sandoval.



A premiação é de 1.000,00 para cada longa selecionado e 500,00 para cada curta sendo que, para a premiação de melhor filme na cada categoria de longa metragem será de 2.000,00 e nas quatro categorias de curtas cada uma terá da premiação de 1.000,00 para melhor filme. As despesas com traslado e hospedagem serão todas custeadas pelos realizadores do evento.



O Encontro tem apoio do Ministério da Cultura, através do Programa Mais Cultura, e é realizado pelo Pontão de Cultura “Cultura viva ao alcance de todos” e Escalet. Nesse período de inscrições, pontos de cultura de todo o Brasil podem inscrever longas e curtas de ficção ou documentários.




Por

Wanderson Diego

Assessor de Imprensa e Comunicação

ESCALET PRODUÇÕES CINEMATOGRÁFICAS

Contatos: (89)3522-0804/9415-3443


PARCEIROS



























Cultura Viva ao Alcance de Todos











  MURAL DE RECADOS:
17/03/2014 às 06:44 h
João Reis: Muito bom esse concurso!
15/03/2013 às 19:40 h
Carlos: Gyselle com certeza vai arrasar!
02/03/2013 às 06:26 h
Rafaell : Gospel Mix de Volta
02/03/2013 às 06:25 h
Magali: Cada os Dj's Xandão e Momo aonde eles se encontram??
02/03/2013 às 06:24 h
fernando: Gospel Mix de volta
Págs.: 1 2  3 

  Deixe seu recado: