O I FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO - CHEGOU AO FIM NESTE SÁBADO, 31 DE OUTUBRO

31/01/2010 - 19h58min
ampliar O evento atraiu um público  15 mil pessoas O evento atraiu um público 15 mil pessoas


Durante 5 dias a cidade de Floriano - Piauí  tornou-se a capital nacional do teatro reunindo mais de 180 artistas vindos dos mais diversos lugares do país para se apresentarem na cidade.

Foram levados ao público 32 espetáculos, em 6 locais diferentes: Teatro Maria Bonita, Teatro Cidade Cenográfica, Praça da Igreja São Pedro de Alcântara (Matriz), CAPS, CEFET e SESC, além de 11 oficinas no Terminal Turístico; mesas redondas e debates no Hotel Rio Parnaíba e workshops no Teatro Cidade Cenográfica .

Além disso, é importante ressaltar a presença do Secretario de Cultura e Cidadania Cultural, Célio Turino, que durante o festival participou de um bate papo com os Pontos de Cultura presentes. O secretário afirmou estar feliz em participar do evento “Vejo aqui no Piauí um Brasil jamais visto antes, é a realização de um sonho”. Disse ainda que diferente de outras regiões, o desenvolvimento cultural  no Piauí começa de dentro para fora, isto é, do interior para capital.

No Festival foram reunidos espetáculos de todos os gêneros: drama, comédia, teatro de rua, teatro infantil, etc. Foram apresentados tanto espetáculos profissionais como é o caso da peça: Rosa Flor, do Ponto de Cultura “Espaço Cultural Manicômicos” de São João Del Rei (MG) quanto espetáculos iniciantes: Bagunça na Santa Casa, do Ponto de Cultura Betânia de Simplício Mendes (PI), que também chama a atenção pela qualidade. A diversidade do Festival é um ponto importante a ressaltar.

A presença de grupos de todo o Brasil foi um marco significativo para o Festival. “Estou tendo uma experiência bastante positiva. É uma bagagem cultural que vou levar pelo resto da vida, tive a oportunidade de conhecer as mais variadas linguagens do teatro”, afirma Francisco de Assis, coordenador do Ponto de Cultura “Arte na Praça”, da cidade de Guaraciaba do Norte - CE

Durante o Festival, além das apresentações teatrais, os participantes do evento tiveram oficinas de: Teatro Visual, Teatro do Oprimido, Teatro Dança, Teatro de Rua, Teatro Iniciante, Técnicas de Picadeiro, Troca de Processos, Elaboração de Projetos, Máscaras, Criação Teatral e Luz Alternativa para Teatro.

De acordo com o oficineiro de Teatro de Rua, Marcelo Bragança, os participantes foram bem receptivos e estavam muito eufóricos “A oficina foi bem diversificada, cada um conseguiu expor diferentes ponto de vista sobre o fazer teatral, tornando á aula bastante complexa. Durante o curso, houve um melhor entrosamento entre os alunos.

A qualidade do Festival mereceu elogios e agradou a todos inclusive a classe mais importante, o público, que lotou a todos os locais onde haviam apresentações. Estima-se que o festival atendeu á um público de 15.000 pessoas.

Essa foi uma realização do Pontão de Cultura “Cultura Viva ao Alcance de Todos, Grupo Escalet de Teatro, Prêmio Aretê de Pequenos Eventos, Governo do Estado do Piauí, através da FUNDAC; Prefeitura Municipal de Floriano, Sistema de Icentivo Estadual á Cultura - SIEC, SESC,  Federação de Teatro do Piauí (FETAPI) e Ministério da Cultura através, da Secretaria de Cidadania Cultural - SCC.

PARCEIROS





































Cultura Viva ao Alcance de Todos

  MURAL DE RECADOS:
17/03/2014 às 06:44 h
João Reis: Muito bom esse concurso!
15/03/2013 às 19:40 h
Carlos: Gyselle com certeza vai arrasar!
02/03/2013 às 06:26 h
Rafaell : Gospel Mix de Volta
02/03/2013 às 06:25 h
Magali: Cada os Dj's Xandão e Momo aonde eles se encontram??
02/03/2013 às 06:24 h
fernando: Gospel Mix de volta
Págs.: 1 2  3 

  Deixe seu recado: